Cadê os sentimentos do final de ano?

Estamos há quase uma semana no ano de 2012, e cerca de duas semanas atrás praticamente só se falava em Natal, presentes, ceia, etc. Cerca de uma semana todos se preparavam para o Ano Novo, comprando muito para o churrasco da virada, muitas bebidas, etc.

Junto a essas duas datas tão significativas, Natal e Ano Novo, sempre afloram muitos sentimentos: perdão, amor, paz, fraternidade, etc. Há a renovação da esperança, pois muitos acreditam que o início de um novo ano dá “fôlego” novo para retomarmos nossas atividades. É claro que os cristãos acreditam nessa renovação principalmente por causa da celebração do nascimento do Menino Jesus.

Em resumo: Vive-se um clima de felicidade e prosperidade em todo lugar que se vá.

E agora?

É incrível como em poucas semanas, ou melhor, em menos de uma semana tudo volta ao normal: as pessoas voltam a te atender mal no comércio, a educação – que era costume – some, as pessoas não se cumprimentam na rua – parece que no Natal todo mundo se conhece, acho que só eu tenho essa impressão…

E o mais engraçado é que, quando dezembro chegar, tudo vai se repetir, e todo mundo também achará normal. E aí, quando chegar a primeira semana de janeiro do novo ano…

O meu desejo é

Que esses sentimentos maravilhosos que surgem todo final de ano possam estar presentes em sua vida durante todo o ano, que o amor fraterno, o perdão, a paz e a fé possam ser uma constante em tudo que você fizer.

E você, ainda cultiva os sentimentos do final do ano?

8 Comments

Deixe uma resposta para Cristovão Cancelar resposta

CommentLuv badge

  • RSS
  • Twitter